DJ do Racionais MC’s e a cena RAP são destaque do Festival Bambata Brothers

Faltava uma festa onde só tocava música preta. Foi aí que os DJs Gerson Junior e Jeft Dias criaram em 2014 a Bambata Brothers, misturando soul, funk, rap e tudo que é feito pela comunidade preta ao redor do mundo. Sete anos depois, eles apresentam o primeiro evento intitulado “festival”, com três dias de programação transmitidas a partir do próximo domingo, 11 de julho. Durante três semanas, o festival apresenta diversos nomes da cena paraense de música negra, além de convidados de outros estados. O evento é um projeto contemplado na Lei Aldir Blanc Pará e tem produção executiva da Psica Produções.



A programação do Festival Bambata Brothers se estende por três domingos, 11, 18 e 25 de julho, com shows e discotecagem que dão o clima das festas realizadas na capital paraense. A programação é um apanhado de diversos ritmos da música negra que podem ser encontrados no Pará e no Brasil, conta o curador e diretor do festival, Gerson Junior. “Na primeira grande lista da curadoria do festival, a gente tinha samba, soul, funk, reggae, brega. Então, a gente foi pinçando cada elemento e cada artista desses estilos pra fazer um festival bem rico musicalmente falando. Na programação, tu consegues ver banda de afoxé, de hip hop, tem brega… eu acho que a gente conseguiu concatenar vários estilos num festival só”, explica Gerson.


Já no primeiro dia de evento, no domingo 11 de julho, a programação traz uma roda de samba homenageando grandes composições brasileiras e paraenses com a “Fé no Batuque” ao lado de Mariza Black, uma das vozes mais marcantes do samba belenense. A nova cena do RAP PA será representada pelo grupo “Dabruxa Clan” reunindo as rappers Yara MC, Braba MC e Agatha Sou, que recebem a amapaense Yanna MC pra dividir o palco, soltando o verbo contra o fascismo, racismo, machismo e transfobia. Completando a noite, a dupla de DJs Bambata Brothers fazem um set no vinil com soul, funky, samba e hip hop.


“A gente tá estreando em festival e tá estreando logo com o Bambata Brothers. Foi maravilhoso! A gente sabe da importância que é pro artista ter um trabalho num festival bem organizado, bem produzido, e foi isso que a gente viu no Bambata Brothers. A gente tá muito feliz e muito contente, aguardando ansiosos com o ‘Fé no Batuque’ pra assistir a apresentação de todos que participaram, dos outros irmãos da arte também envolvidos”, celebra Geraldo Nogueira, intérprete, compositor, percussionista e idealizador do grupo “Fé no Batuque”.


No segundo domingo do evento, 18 de julho, a mistura sonora ganha um toque especial com as rimas de Sumano, rapper de Igarapé Miri que representa a zora rural brasileira e divide o palco com Negro Edi, MC das antigas que sustenta sua carreira desde os anos 90. A lírica da MPB com o sotaque do carimbó formam a base do trabalho de Iris da Selva, artista não-binário paraense que tem na espiritualidade o elemento condutor das canções. A festa fica ainda mais eletrizante com o set de Zek Picoteiro, um passeio sonoro pelo Caribe, África, aportando na Amazônia com o melhor do tecnobrega.


O último dia da programação, no domingo, 25 de julho, tem tom de despedida mas com reencontros. KL Jay, lendário DJ do Racionais MC’s, volta a tocar numa programação do Bambata Brothers. Ele foi a estrela da primeira festa realizada em 2014 e agora abrilhanta a noite na fachada do Espaço Cultural de Icoaraci tocando no vinil a nova música brasileira, funk, rap e house. Representando o Grime e o Drill, Nic Dias recebe o carioca SD9, representando a nova sonoridade do RAP paraense e brasileiro. Fechando a noite, o grupo de afoxé Afro Axé Dudu se apresenta com palavras de benção e músicas que pregam a igualdade racial.


AO VIVO NO CANAL “RAP, FALANDO”

O Festival Bambata Brothers ainda tem parceria na transmissão do coletivo paulistano "Rap, Falando", um dos maiores canais de música preta do país. Antenados nos maiores nomes do RAP brasileiro mas também nas cenas regionais e artistas de ascensão, o sucesso do “Rap, Falando” vem da sua curadoria e da linguagem utilizada para se comunicar com o público: o meme. São mais de 340 mil seguidores no perfil do Twitter e uma influência que é dividida com Youtube, Instagram, Twitch e podcast.


Essa influência será emprestada para o Festival Bambata Brothers que exibe na íntegra e com exclusividade todas as apresentações do evento no canal da Twitch do coletivo. “A gente conseguiu fazer esse link porque eles também estão ligados no que tá acontecendo no norte, por meio dos artistas novos que tão surgindo. Eles adoraram e super toparam na hora a ideia de ser transmitido pelo canal deles. Os artistas daqui vão ter uma visibilidade muito maior do que se fosse só num canal nosso. É um canal nacional que abraçou essa ideia, porque eles querem estar conectados no norte. Eu acredito que pros artistas vai ser muito promissor porque vai ter muita gente vendo”, anima o diretor do evento, Gerson Junior.


O Festival Bambata Brothers será exibido nos domingos dos dias 11, 18 e 25 de julho, exclusivamente no canal da Twitch do “Rap, Falando”. O acesso ao festival é gratuito pelo link Twitch.tv/rapfalando.


FESTIVAL BAMBATA BROTHERS

11, 18 e 25 de julho

Sempre a partir de 19h

Transmissão - https://www.twitch.tv/rapfalando

Acesso gratuito


PROGRAMAÇÃO COMPLETA


DOMINGO, 11 DE JULHO

DJs Bambata Brothers

Dabruxa Clan + Yanna MC

Fé no Batuque + Mariza Black


DOMINGO, 18 DE JULHO

DJ Zek Picoteiro

Iris da Selva

Sumano + Negro Edi


DOMINGO, 25 DE JULHO

Afro Axé Dudu

Nic Dias + SD9

DJ KL Jay

Posts Em Destaque
Posts Recentes