top of page

Exposição Catarse de Devoção, de Paula Giordano, inaugura em Belém


Cansaço, choro e dor. Tudo isso envolvido em uma devoção capaz de sobrepujar limites. É com este olhar que a artista visual Paula Giordano inaugura sua exposição individual de fotografias intitulada “Catarse de Devoção”. A abertura ocorre na quinta-feira, 05 de outubro, às 19h, na Galeria Benedito Nunes, no subsolo do Centur. A visitação segue aberta até 28 de novembro, de segunda a sexta, sempre das 09 às 17h, de forma gratuita. O projeto foi contemplado com o Prêmio Branco de Melo 2023.



Catarse de Devoção nasce de uma pesquisa iniciada pela artista em 2012, onde ela investiga a relação dos devotos com a corda, um dos principais signos do Círio de Nazaré. “Os devotos de Nossa Senhora mergulham em rezas, cânticos, pedidos, agradecimentos e, com sua devoção, arrastam a corda por longas horas, transformando-a em protagonista da procissão”, observou Paula.


A mostra inaugura às vésperas do Círio de Nazaré e dialoga com o momento de efervescência da devoção mariana na capital paraense. Com suas fotografias, Paula espera instigar aquele que observa a passagem do “rio de gente”, com suas enchentes, vazantes e turbulências, existindo assim uma poética dramática que se descortina, quando o homem através destes sacrifícios crê estar purificando sua alma.



Nas palavras de Paulo Leonel Gomes Vergolino, professor efetivo em Artes Visuais pelo Instituto Federal do Pará (IFPA), “a fotógrafa é atraída pelo gesto, pelo instante, pelo olhar emocionado, pelo que nos move a sermos mais humanos: o nosso poder de acreditar, de persistir e de fazermo-nos presentes, pertencendo a uma mesma devoção. Ela faz brotar todo o poder inato da imagem, sem subterfúgios, como se por si só prescindisse de excesso de conceitos”, finalizou.


PAULA GIORDANO

Paraense, é artista visual e médica. Realiza pesquisas e projetos fotográficos autorais que buscam um diálogo com a expressão de sentimentos e emoções, relacionados aos dilemas existenciais do ser humano, bem como trabalhos com um viés documental que transitam no campo da antropologia ao investigar as relações do homem com o meio e a religiosidade. Atualmente, opera na fotografia e videoarte, com enfoque nas relações corpo, imagem e luz. Possui obras nos acervos do Museu im Spital Grunberg - Alemanha, Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro, Museu de Artes Plásticas de Anápolis/GO, Museu de Arte Sacra de Belém/PA e Galeria Theodoro Braga, Belém/PA. É

uma das vencedoras do Prêmio Portfólio FotoDoc 2023, o principal festival de fotografia documental do Brasil.


SERVIÇO: Exposição Catarse de Devoção, de Paula Giordano, inaugura às vésperas do Círio. Data: 05 de outubro de 2023.

Horário: 19h.

Local: Galeria Benedito Nunes (subsolo do CENTUR). Endereço: Av. Gentil Bittencourt, 650 -

Nazaré. A visitação segue aberta até 28 de novembro, de segunda a sexta,

sempre das 09 às 17h.

Entrada franca.

Comments


bottom of page