Festival Gastronomia das Ilhas é prorrogado até cinco de junho em Mosqueiro

O Festival Gastronomia das Ilhas, em Mosqueiro, foi prorrogado por mais três finais de semana. Realizado no último sábado, 14, e no domingo, 15, no Distrito Administrativo de Mosqueiro (ADMos), o evento foi um sucesso de público e incremento na geração de emprego e renda no balneário.

Por isso, a Diretoria Executiva da Companhia de Administração e Desenvolvimento da Área Metropolitana de Belém (Codem), por meio da Diretoria de Desenvolvimento e Negócios (DDN), decidiu estendê-lo pelos próximos três finais de semana, 21 e 22 de maio, 28 e 29 de maio e 04 e 05 de junho. A medida também atendeu aos pedidos de proprietários de restaurantes e barracas participantes do festival.

Para o diretor-presidente da Codem, Lélio Costa, o Festival Gastronomia das ilhas, em Mosqueiro, foi um importante momento para dar visibilidade às ações da Prefeitura de Belém no distrito, pois atraiu um grande público interessado em participar do festival, conhecer os restaurantes e pratos exclusivos criados para o evento.



Supreendente - “A participação grandiosa de turistas e moradores da ilha surpreendeu barraqueiros e funcionários dos estabelecimentos participantes. A prorrogação do festival, por mais três finais de semana, vai permitir que mais pessoas participem do evento e, com isso, ajudem a reaquecer a economia local, neste momento de retomada econômica, pós-pandemia”, pontuou Lélio Costa.

A empresária Hellen Ribeiro, proprietária do restaurante Cozinha da Praia, localizado na Praia do Paraíso, considerou o Festival uma ação necessária da prefeitura. “O festival gastronômico foi de extrema importância para os comerciantes da ilha, movimentou o distrito, incentivou o turismo e valorizou a nossa gastronomia", disse.

"A prefeitura está de parabéns por ter feito, junto com a Codem, esse evento. Compreendendo que uma ação como essa gera empregos, valoriza a mão de obra local, pois foram feitos cursos de capacitação e treinamento para os trabalhadores dos restaurantes e barracas participantes, e, agora, com a prorrogação, todos os seguimentos só têm a ganhar”, comemorou a empresária.

Volta do turismo - Para o empresário Otacílio Braga, proprietário do Hotel Fazenda Paraíso, o festival foi muito proveitoso, pois trouxe mídia para o distrito e contribuiu para a volta de turistas para ilha. “Com a volta dos clientes curiosos, interessados em conhecer e degustar o prato que criamos, com exclusividade, para o festival, a um preço bastante acessível, foi possível mostrar que temos uma boa comida, com insumos amazônicos", disse.

"A prorrogação por mais três finais de semana é ótima, porque muitos clientes lamentaram que não daria tempo para conhecer os demais pratos e, agora, com mais tempo, vai ser possível atender mais pessoas”, agradeceu Otacílio Braga.



Objetivo alcançado - O diretor de Desenvolvimento e Negócios da Codem, Michael Corrêa, responsável pela organização do Festival Gastronomia das Ilhas, em Mosqueiro, garantiu que o objetivo do evento foi alcançado, pois conseguiu levar um bom público para a ilha e para os restaurantes participantes do evento, fomentando o turismo gastronômico e, assim, oportunizando a geração de emprego e renda, impulsionando a cadeia produtiva e capacitando profissionais e trabalhadores da área.

“Com a prorrogação até cinco de junho, a orientação é fazer os ajustes necessários, garantindo a visibilidade, acompanhamento junto aos 18 restaurantes que estão participando do evento e preparando novos materiais de divulgação e sinalização para o Festival”, afirmou.

Fomento - O Festival Gastronomia das Ilhas é uma promoção da Prefeitura de Belém, por meio da Codem, Belémtur, com apoio da ADMos. O maior objetivo do evento é fomentar a cadeia econômica da gastronomia e turismo, além de incentivar as boas práticas da cozinha da região insular da capital paraense, que, desde 2015, ostenta o titulo de Cidade da Gastronomia Criativa, concedido pela Unesco.

O Festival tem a participação de dezoito restaurantes divididos em seis circuitos: Paraíso, Chapéu Virado, Ariramba, Porto Arthur, Farol e São Francisco. Em cada um deles será oferecido um combo promocional, contendo entrada, prato principal e sobremesa, precificados em R$ 59,90. O cliente ainda terá a seu dispor o cardápio habitual de cada estabelecimento.

Conheça mais sobre o evento, acessando o site oficial do Festival Gastronomia das Ihas.

Serviço: Confira os estabelecimentos participantes do seis circuitos gastronômicos.

  • Circuito 01 - Praia do Paraíso Bar e Restaurante Cozinha de Praia; Barraca do Gringo; Bar e Restaurante Tropical; Bar e Restaurante Paraíso; Restaurante Camboeiro; Restaurante Moqueio - Hotel Fazenda Paraíso;

  • Circuito 02 - Praia do Chapéu Virado Restaurante Samambaia; Restaurante Play Toc-Toc; Restaurante K'tispero; Barraca Pinguim;

  • Circuito 03 - Praia do Ariramba Jurubeba Praia; Jurubeba Restô de Praia; Barraca e Restaurante Toda; Bar e Restaurante Panorâmica;

  • Circuito 04 - Praia do São Francisco Restaurante Aconchego; Casa Moqueio.

  • Circuito 05 - Praia do Farol Restaurante do Hotel Farol.

  • Circuito 06 - Praia do Porto Artur Peixaria do Antônio.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square