Fotógrafo paulistano realiza ações no Pará

O Projeto Água Vida está na Amazônia, em Belém do Pará, concretizando uma nova fase: com o apoio fundamental do Instituto Asflora que realiza um magnífico trabalho em Belém e a generosidade da ambientalista Carolina Overmeer que doou 1000 mudas foi realizado, através do Festival de Plantio de Restauração Ecológica, o plantio de 2000 árvores nativas, recuperando uma área desmatada, com um nascente exposta, sujeita ao abandono e a poluição, educando crianças e jovens moradores do entorno e estudante da Escola Municipal de Ensino Fundamental Geracina Begot Granhen.

Mario Barila, autor e idealizador do Projeto Água Vida (+ infos abaixo) também realizou uma ação social doando um computador para a escola participante da ação. Fotógrafo ambientalista, ele está aproveitando a viagem documentando novas imagens, cumprindo seu objetivo de vender as fotos produzidas para viabilizar as ações socioambientais de seu projeto.



Projeto Água Vida “Muita água, muita vida. Pouca água, pouca vida. Sem água, sem vida.” A frase do velejador Sir Peter Blake sintetiza a importância vital da água para a vida no nosso planeta e serviu como inspiração para as ações do Projeto Água Vida, iniciativa do fotógrafo e ambientalista Mario Barila que realiza ações sociais e ambientais nos locais visitados. Todas as doações do projeto são possíveis graças às vendas das fotos dos lugares visitados, os interessados em ajudar e participar dessa iniciativa podem entrar em contato com o fotógrafo através de seu site. Mario Barila http://mariobarila.com.br Iniciando na Fotografia com uma lendária câmera Zeiss Icon que pertencia a seu pai, com o tempo, para aprimorar suas imagens fez aulas com o renomado fotógrafo Araquém Alcântara. O ativismo surgiu de forma espontânea, sensibilizado com os cenários de adversidades presente nas pessoas e nos locais visitados, buscou um caminho para ajudar e a forma encontrada foi usar a venda de suas fotos para realizar ações sociais ou ambientais concretas nos locais fotografados. Mario se sente gratificado em realizar essas ações e conseguir os desdobramentos exclusivamente com a venda das suas fotografias. Carolina Overmeer www.weareprojectzero.org Membro da Liga das Mulheres pelo Oceano (Brasil) e Project Zero (UK), colunista da Forbes Life Fashion Magazine Instituto Asflora http://asflora.org/asflora/ O Instituto Amigos da Floresta Amazônica - ASFLORA é uma entidade civil, de caráter técnico, científico e beneficente, sem fins lucrativos. A Asflora desenvolve um trabalho de Educação Ambiental com a sociedade civil em geral, principalmente com crianças de ensino fundamental. Escolas públicas e particulares de diversos municípios do estado do Pará são previamente selecionadas para participarem do projeto. Durante todo o período letivo as turmas recebem aulas de educação ambiental através de palestras e teatro que é realizado dentro da mata nativa. Neste momento, elas têm a oportunidade de ter um contato direto com a natureza. Cerca de 1000 crianças são atendidas anualmente pelo programa de educação ambiental da Asflora, que no momento utiliza as áreas de preservação de empresas parceiras como a Aimex e Marborges. O Instituto, também realiza estas ações fora destas dependências. Somente em 2008, levou a mensagem de educação ambiental com palestras e teatro para cerca de 10,000 pessoas, incluindo adultos e crianças. Estes eventos foram realizados em diversos municípios do estado do Pará, em áreas de florestas, praças, áreas abertas, anfiteatros e em salas de reuniões de empresas privadas e públicas. Além disso ,desde 2007, a Asflora vem desenvolvendo um trabalho em parceria com pequenos produtores do município de Santa Bárbara-Pa, onde realiza a instalação de SAF´s, utilizando espécies agrícolas, frutíferas e florestais. Em 2007 foi feito uma parceria com três pequenos produtos e em 2008 com outros quatro, totalizando 7 propriedades atendidas as quais foram utilizados cerca de 4 hectares. Os recursos são provenientes do Fundo Verde através do Eco Future Fund (Instituições voltadas às atividades ambientais). Os agricultores recebem mudas, adubo orgânico, químico, equipamentos de proteção, ferramentas e assistência técnica dos técnicos da Asflora. Dessa forma a ONG tenta promover o desenvolvimento sócio-econômico da Região Amazônica e o melhoramento do nível de qualidade de vida do povo desta Região mediante a tais obras.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square