top of page

Isabelli Fontana e Schynaider prestigiam inauguração da Casa La Gea

O estilista Iran Costa se inspira pela Dolce Vita Italiana, criando uma sinfonia de luxo e elegância em sua mais recente coleção, com Ana Beatriz Barros como musa. Em 1960, Federico Fellini lançou "La Dolce Vita", filme clássico que cristalizou a imagem de uma Itália eternamente doce no imaginário coletivo, uma verdadeira carta de amor ao país. Traduzido como "A Boa Vida," esse conceito encapsula um estilo de vida equilibrado, proporcionando felicidade e prazer. Viver sob essa filosofia implica adotar o luxo despretensioso, guiado pelo olhar atento à qualidade e ao sublime do cotidiano. Na moda, o luxo se revela nos detalhes, como o trabalho manual, a escolha de tecidos nobres, cortes precisos, a elegância de peças excepcionais e a singularidade de bordados feitos à mão. "La Dolce Vita" é uma celebração da qualidade, refinamento e apreciação dos pequenos prazeres da vida, refletindo a essência de uma nação que perdura no tempo.



Imerso nas imagens dos filmes de Fellini e na influência das Bellas Donnas do cinema italiano dos anos 60, como Sophia Loren e Mônica Vitti, o designer e fundador da La Gea, Iran Costa, impôs a missão de transpor para o contemporâneo o espírito efervescente, libertário e glamouroso da Dolce Vita. Suas memórias afetivas das raízes em Sergipe, seu estado natal, convergem de forma harmoniosa com a rica experiência adquirida na Itália.


A coleção Mare D'Inverno Resort 2024 da La Gea reflete essa busca incessante pelo majestoso, pelo clássico e pelo belo. As referências se fundem ao trabalho de bordado de renda da La Gea, meticulosamente confeccionado na cidade natal do estilista Tobias Barreto, em Sergipe. O Fatto a Mano no Brasil harmoniza-se com silhuetas elegantes inspiradas nos anos 60 e o estilo de vida leve e glamouroso da Dolce Vita. O Petit Pois, estampa emblemática da época, é habilmente incorporada a biquínis e maiôs com acabamento couture, enriquecidos por detalhes ricos e sutis em renda.


Camisas e vestidos fluídos em seda adornam a mulher para o cotidiano. Um refinado trabalho de alfaiataria em risca de giz complementa o guarda-roupa da mulher versátil, transitando do balneário à cidade sem perder a elegância e a leveza que caracterizam a Dolce Vita. A busca volta-se para um guarda-roupa cápsula, onde a qualidade têxtil e a elegância guiam a coleção. A definição de luxo surge como elemento essencial. Tecidos de fibras naturais, como a seda, o chiffon e o linho, são apresentados em uma cartela de cores elegante, que transita entre tons de branco, preto, off white, o risca de giz e o petit pois. A icônica supermodelo Ana Beatriz Barros personificou com primor o ethos da coleção capturado pelas lentes de Lufree. A presença de Barros, figura consagrada nos cenários nacional e internacional da moda, reveste-se de uma simbologia profunda e auspiciosa


Ao longo da breve trajetória da marca no mercado brasileiro, alcançar o marco de comunicar uma campanha de moda com a modelo é a realização de um sonho, cuidadosamente nutrido pelo estilista. O styling desta campanha possui a assinatura de Pedro Sales. A coleção Resort 2024 estará acessível a partir do dia 14 de março, tanto na loja física da La Gea quanto em seu e-commerce, além de marcar presença nas mais conceituadas multimarcas do Brasil

Comments


bottom of page