IV Mostra Sesc de Cinema estreia em formato digital

Com o objetivo de incentivar e dar visibilidade à produção cinematográfica brasileira que não chega ao circuito comercial de exibição, o Serviço Social do Comércio (Sesc) realiza em todo o Brasil a IV Mostra Sesc de Cinema. Pela primeira vez em formato 100% digital, entre os dias 1 e 30 de novembro o canal do Sesc Brasil no youtube irá exibir as 31 obras selecionadas para a etapa nacional da Mostra, onde o Filme Paraense Meus Santos Saúdam Teus Santos”, de Rodrigo Antonio fará parte desse circuito. Já a Mostra Região Norte, será no Canal do Sesc Pará no YouTube e presencialmente na Unidade Marabá e Escola Anísio Teixeira, no período de 17 a 26/11.

A Mostra Sesc de Cinema reúne produções de temas diversificados, que por vezes não conseguem encontrar espaço nos circuitos comerciais de cinema. Em sua quarta edição, o projeto se consolida como um dos principais canais de incentivo e fomento ao cinema independente do Brasil. O concurso distribuirá mais de R$ 100 mil em licenciamentos de obras aos realizadores vencedores da mostra nacional e paraense. O novo formato ainda permitiu uma ampliação da exposição, da pluralidade e da valorização das produções audiovisuais de todas as regiões do país. No Pará, tivemos 49 filmes inscritos, com participação de realizadores das várias regiões do Estado, propiciando uma descentralização do Eixo Belém para a presença de outros territórios na tela do cinema.

“Estamos muito empolgados com o alcance das exibições, após o intervalo de 2020. Batemos recorde de inscrições – recebemos mais de 1900 obras - e tivemos uma importante representação das mulheres nesta edição”, destaca o gerente de Cultura do Departamento Nacional do Sesc, Marcos Rego. “O formato digital ainda nos permitiu a chegar a talentos de todas as regiões do país. Cada produção foi avaliada pelas comissões de especialistas convidados e profissionais do Sesc que selecionaram as melhores obras de cada estado participante” explica.



Ao longo de todo o mês de novembro na Mostra Nacional serão exibidas obras de cada um dos 23 estados participantes e do Distrito Federal no Panorama Brasil. Também serão disponibilizadas sete produções infanto juvenis, com realizadores de Minas Gerais, Bahia, São Paulo, Amapá, Santa Catarina e Espírito Santo. A programação do evento também contará com ações formativas, que serão realizadas em ambiente digital, além das mostras nos panoramas regionais que contam com mais 307 filmes, ampliando ainda mais a visibilidade para cineastas de cada estado. A representação feminina é o grande destaque da edição, que bateu recorde de inscrições este ano. Os 8 longas e 23 curtas da mostra nacional serão disponibilizados simultaneamente a partir dodia 1º, às 19h, no canal do Sesc no YouTube https://www.youtube.com/sescbrasil.

A Mostra de Cinema Região Norte contará com a exibição de filmes no canal do Sesc no Pará no youtube, além de oficinas e bate-papos. Iniciando no dia 17/11, às 20h, no canal do Sesc no Youtube, a abertura da Mostra Regional Norte no Pará contará com um bate-papo com os curadores da Mostra de Cinema etapa Pará, Carol Abreu, Gil Vieira e Zhumar de Nazaré, em seguida uma conversa com os diretores dos filmes “E o que sobrou para as distopias”, Tarcísio Gabriel (PA); “Super Panc Me”, Marcus Vinicius(AP); “Elipse”, Diego Augusto(RO), com mediação de Carol Abreu. Em seguida a o público poderá assistir os filmes no Canal. Na quinta-feira(18), às 20h, tem mais bate-papo no youtube sobre o tema “O cinema de ficção na Amazônia”, com os diretores dos filmes “Solo Desaparecido”, de Bea Morback (PA); “Açaí”, Andre Cantuária(AP) e “Tá quente”, Bruno Pereira(AM). Em seguida a o público poderá assistir os filmes no Canal. Na sexta-feira (19/11), às 19h30, será a abertura presencial da Mostra Regional Norte no Pará, no Sesc em Marabá, onde serão exibidos filmes nas Categorias PARÁ PRODUNDO, “Mulheres insurgentes” Giovanna Vale (Marabá/PA) ; “Benzedeira - Maria do Bairro” San Marcelo (Bragança/PA) e “Retina” Victor Rosalino (Santarém/PA) e filmes da Região Norte, na Categoria AMAZÔNIA FAZ CINEMA “E o que sobrou para as distopias”, Tarcísio Gabriel (PA); “Açaí”, Andre Cantuária(AP), “Tá quente”, Bruno Pereira(AM), “Nazaré: do verde ao barro”, Juraci Júnior(RO) e “ A inacreditável história do milho gigante”, Adenor Pimentel(RR). Em seguida os filmes também serão liberados no youtube.

Continuando a Mostra de Cinema, no dia 22/11, às 18h30, na unidade do Sesc em Marabá e canal do Sesc Pará no youtube, será a exibição do documentário CDA – 20 anos –Amazonas ( Wallace Heldon) e bate papo com o diretor Wallace Heldon e a professora de dança Carol Castelo. Na quarta-feira (24/11), às 15h, no Sesc em Marabá haverá a exibição da IV Mostra Sesc de Cinema - Panorama Infantojuvenil e às 20h, no canal do youtube Bate-papo com os Diretores do Filme “Benzedeira – Maria do Bairro” San Marcelo e Pedro Olaia, com mediação de Gil Vieira. No dia 25/11, às 20h, no youtube haverá um bate-papo com as diretoras dos filmes “Solo Desaparecido”, Bea Morback (PA) e “Montanha Dourada” Cassandra Oliveira(AP), destacando-se o protagonismo feminino na Mostra; a mediação será de Carol Abreu. Finalizando a programação, no dia 26/11, às 20h no youtube, terá um bate papo com os curadores e os três filmes mais votados no Júri Popular.

Fazendo parte da programação, Ricardo D’Almeida realiza no período de 22 a 24/11, das 15h às 18h, no Sesc em Marabá, a Oficina Documentário com celular . A câmera do celular é suficiente para produzir um documentário? De posse de conhecimentos sobre enquadramento, planos, movimentos de câmera, técnicas de entrevistas e montagem, mesmo com um smartphone podemos contar incríveis histórias. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até dia 19/11 pelo whatsapp (91) 98486-3582.

Veja a programação completa da Mostra Regional Norte no Pará no site www.sesc-pa.com.br.

Posts Em Destaque
Posts Recentes