top of page

Magia do Coke Studio chega à América Latina com uma mistura única de artistas

O que acontece quando grandes artistas unem seus talentos numa colisão criativa sem fronteiras geográficas e com diversidade de origens, estilos e gêneros musicais? O resultado desse collab tem o nome de Coke Studio, plataforma de música global da Coca-Cola que, agora, lança sua versão Latino-Americana, cuja nova temporada é liderada pela superestrela colombiana Camilo. Nomes como Jão, BaianaSystem, Danna Paola, Adriel Favela, Oriana e Adrian Bello representam Brasil, México, Peru e Argentina em seis novas versões de suas músicas de sucesso e em seis novos vídeos musicais.



A plataforma Coke Studio nasceu no Paquistão e já combinou os mais diversos estilos de artistas dos Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, África do Sul, Colômbia, Egito, Índia, Bangladesh, Turquia, China, Coreia e Filipinas. Trata-se de uma seleção premium que contemplou músicos como Sam Smith, Imagine Dragons, Camilo, Cat Burns, Jean Baptiste, entre outros.

“Fazer a magia real acontecer, propósito do Coke Studio, significa elevar a produção artística a um novo patamar, unindo música e raízes culturais para tocar mentes e corações do público em todo o mundo. Na América Latina esse propósito se torna ainda maior quando o projeto une o continente por meio dos idiomas espanhol e português nas versões das canções e performances das estrelas escolhidas. O resultado são encontros ecléticos e inesquecíveis”, diz Joshua Burke, head global de Music & Culture Marketing da Coca-Cola.



O lançamento de Coke Studio na América Latina aconteceu com a primeira collab, entre a banda brasileira BaianaSystem e o artista mexicano Adriel Favela, que regravaram novas versões de seus sucessos ‘Lucro’ e ‘Mi Otro Yo’. As colisões já estão disponíveis nos canais oficiais de Coke Studio no YouTube e nas plataformas de streaming de música.

“O Coke Studio mostrou mais possibilidade de integração, cruzou sotaques, linguagens, ritmos e poesias no mesmo som. O mais importante disso tudo foi exaltar a cultura latino-americana. Esse projeto funcionou como uma bússola onde o nosso norte é o sul”, destaca Russo Passapusso, vocalista da banda BaianaSystem.

As “colisões musicais” foram gravadas em estúdios de Los Angeles (EUA), Buenos Aires (Argentina) e Salvador (Brasil) em produções assinadas pela agência Fibra. ag. Os artistas selecionados para o lançamento do Coke Studio Latam prometem instigar o público por meio da mistura de ritmos e estilos distintos, que resulta sempre em nova versão de uma canção já consagrada na voz dos artistas em seus países de origem.

Encontros inesperados

Além da apresentação de BaianaSystem e Adriel Favela no Coke Studio The Town, espaço da Coca-Cola no festival, o cantor Jão também fez uma apresentação ao vivo para anunciar sua colisão com a pop star mexicana Danna Paola, que chega em breve em todas as plataformas digitais. Com 34,6 milhões de seguidores no Instagram, a cantora regravou o hit ‘Idiota’ de Jão. Ele, por sua vez, gravou ‘Tenemos que Hablar’, música de Danna recém-lançada e que já está se firmando como um grande sucesso.

O terceiro encontro musical no Coke Studio reuniu a cantora pop argentina Oriana e a estrela ascendente da música peruana Adrián Bello.

A curadoria, produção audiovisual e artística do projeto latino-americano leva assinatura da Fibra.ag, uma agência de strategy design e brand experience, convidada pela Coca-Cola, e pela agência DAVID, para liderar a produção do projeto em todos os países da América Latina. A criação da campanha publicitário para anunciar o lançamento de Coke Studio ficou a cargo da agência DAVID.

SOBRE A COCA-COLA BRASIL

A companhia atua em cinco grupos de bebidas — colas, sabores, hidratação, nutrição e emergentes — com uma linha de 100 produtos e 22 marcas, entre sabores regulares e versões sem açúcar ou de baixa caloria. Composto por sete grupos de fabricantes franqueados, o Instituto Coca-Cola Brasil, mais Verde Campo e a parceria com Leão Alimentos e Bebidas, o Sistema emprega diretamente 57 mil funcionários. Com o propósito de refrescar o mundo e fazer a diferença, a empresa aposta em inovação para ampliar seu portfólio e atingir o objetivo de destinar corretamente o equivalente a 100% de suas embalagens até 2030. A Coca-Cola Brasil trabalha para oferecer cada vez mais opções com menos açúcar adicionado e no incentivo a iniciativas que melhorem o desenvolvimento econômico e social das comunidades onde atua. Para saber mais, visite Coca-Cola.

Comments


bottom of page