NASA Space Apps Challenge chega ao Pará em outubro

O NASA Space Apps Challenge, um dos principais eventos abertos da agência aeroespacial norte americana, chega ao estado do Pará, onde realizará etapas em Belém e Marabá. Considerada a maior maratona de inovação (hackathon) do mundo, o evento tem como “local lead” Miro Leite, um belenense radicado em São Paulo, especialista em transformação digital e inovação, e conta com a parceria da InovAction, uma das principais iniciativas do setor, como co-organizador.

O hackathon tem como meta atrair 200 participantes do estado, além de mentores extremamente capacitados que integrarão a rede da InovAction em todo o Brasil. De acordo com Miro Leite, que já foi participante e mentor em edições anteriores, “a qualidade dos mentores impacta diretamente no resultado dos projetos apresentados e na experiência dos participantes” e salienta, “nós, paraenses, temos uma capacidade única de vencer as adversidades através da força de vontade e da criatividade, tenho certeza que vamos surpreender o mundo em nossa primeira participação”.

A partir deste sábado, 28, Daniel Takaki, diretor da InovAction, estará no estado para visita técnica com o intuito de buscar parceiros para a realização do evento, para isso deve se reunir com autoridades locais, além de visitar algumas instituições de ensino e participar de algumas reuniões para discutir estratégias de atrair e engajar participantes locais. “Já temos o apoio e a participação do Açaí Valley, o que é fundamental para o sucesso do NASA Space Apps e estamos em busca de mais apoiadores e patrocinadores”, diz Takaki.

“Dessa vez a NASA vem! - é um termo muito comum nas redes sociais quando vemos alguma inovação movida pela criatividade do brasileiro. E essa é uma grande oportunidade para o povo do Pará participar de um evento oficial da NASA e que pode transformar a vida de muita gente. A vantagem desse evento é que não precisa ser um programador para fazer parte, porque existem desafios onde todos podem participar” – afirma Miro. “Ao contrário do que todo mundo pensa, não é necessário ser programador ou desenvolvedor, pois o hackathon da NASA possui diversos desafios para que todos possam participar. Empreendedores, curiosos, estudantes, engenheiros, designers, biólogos, agricultores, artistas, sonhadores, startupeiros, todos podem contribuir na construção dessas soluções. Basta ter boa vontade e acesso a internet, uma vez que o evento vai ser completamente online.” A ida do organizador ao estado é estratégica. Takaki busca alinhar os últimos detalhes sobre o evento, bem como conseguir mais parceiros e participantes para o maior hackathon do mundo. “Essa é uma oportunidade incrível para o Pará, afinal, não é sempre que temos a oportunidade de trazer um evento de inovação de tamanha importância no cenário mundial para a região. Estamos engajados em mostrar todo potencial que o estado possui e oferecer a melhor experiência para todos os participantes”, afirma. “Estamos preparando um grande evento, com mentores que são referência no cenário nacional e o Space Apps pode mudar a vida dos participantes e de todos os locais que estamos apoiando, sei que o Pará tem potencial para ter o próximo campeão”. A InovAction está coorganizando em Teresina (PI), São Caetano do Sul e São José dos Campos (SP, além de Belém e Marabá (PA), além de dar suporte ao cluster Space Terra, principal hub de organizadores do NASA Space Apps no Brasil.


Sobre o NASA Space Apps Challenge


Realizado desde 2012, o NASA Space Apps Challenge chega a sua 10ª edição com o título de “maior hackathon do mundo” e números impressionantes.

Somente em 2020, foram 26,1 mil pessoas que formaram 3.831 times e apresentaram 2.303 projetos para um dos 23 desafios apresentados, números inferiores a 2019 por conta da pandemia, mas, ainda assim, impressionantes.

O desafio, que acontece anualmente desde 2012, reunirá empreendedores, programadores, makers, engenheiros, artistas, designers, estudantes e profissionais de diversas áreas e cidades do planeta para, segundo a NASA, "criar soluções para o mundo real através dos desafios, usando dados do espaço” e concederá aos vencedores locais diversos prêmios e, aos vencedores mundiais a oportunidade de acompanhar o lançamento de um foguete nos Estados Unidos.

Além do acesso a dados abertos da NASA, os desafios serão realizados com o apoio de mentores que são referências nos assuntos que serão objeto desse hackathon, o que é uma grande oportunidade de networking e troca de conhecimento para todos.

Neste ano, o evento chega com força total no Brasil e será 100% online, entre os dias 2 e 3 de outubro. As equipes inscritas na maratona receberão acesso aos dados da NASA para buscar soluções aos desafios propostos. Os projetos finalistas de cada cidade serão julgados por membros da NASA, que escolherão os melhores para a premiação global.



HACKATHON NASA SPACE APPS CHALLENGE 2021

BELÉM & MARABÁ (PA)

GRATUITO

Dias 01, 02 e 03 de outubro

100% online na plataforma DISCORD

Inscrições abertas para Belém e Marabá - https://spaceterra.org/

Desafios no site oficial do Space Apps Challenge: https://2021.spaceappschallenge.org/challenges/

Posts Em Destaque
Posts Recentes